06/03/2009

...Incroiable...

Folha a folha vai,
o Outono a caír
Letra a letra escrevo,
o que hás-de ouvir
Longe de ti
só posso inventar
Olhando as nuvens
sempre a rodar
Sentindo o vento,
chuva no ar
Gota a gota cai,
a chuva no mar
Passo a passo vou,
para onde quero estar
Olhos nos olhos,
a mão na mão
Sentindo o vento,
sentindo o chão
Se gosto de ti,
porque não?
(xutos - longe de ti)

3 comentários:

Mitsotaki disse...

'Passo a passo vou,
para onde quero estar'... e vou conseguir!

malu disse...

sim...espero que consigas...sim, espero que sejas muito feliz...e, sim,queria muito que um dia, pudesses dizer que em algum momento, eu contribui para tal felicidade, assim como todas as pessoas, que vão passando pela minha vida...

Mitsotaki disse...

continuo a querer da mesma maneira!

e aconteça o que acontecer o teu contributo será sempre bemvindo.