20/03/2010

...fico contigo... hoje e sempre...


Se quando tu voltares, se for já muito tarde, se eu não for capaz de perguntar, porque demoraste... Então deixa que te diga : és tudo o que me resta na noite.... espera comigo, por outra noite como esta.
Hoje não sou mais do que tu... quero estar perto de ti... haja o que houver vou continuar ... tudo o que faça lembrar de hoje ... és sempre hoje

Se me ouvires cantar todas as palavras... servem para proucurar a imagem do teu rosto... Se me prometeres que ficas comigo eu espero para sempre ... e fico contigo.
Hoje não sou mais do que tu... quero estar perto de ti... haja o que houver vou continuar ... tudo o que faça lembrar de hoje ... 

Os meus olhos ficam acordados para te poder ver ... Já é madrugada tu estás cansada  devias saber ... vou ter que dizer: Hoje não sou... mais do que tu... haja o que houver vou continuar ... És sempre hoje ....

És sempre hoje ...

João Pedro Pais

2 comentários:

Leca disse...

...adoro escrever mensagens na areia...deixar pegadas...
cartas em garrafas...lançadas ao mar...
Penso que amor é entrega...sem certezas...incondicional...
seu texto é tão bonito que quase acreditei que é possível uma promessa...
beijo
Leca

Malu disse...

o problema das pessoas romanticas é acreditar nas promessas, mesmo sabendo que não são possíveis, por isso ainda escrevemos na areia, ainda deixamos sinais e pegadas e ainda fazemos promessas... mas o que nós entendemos por entrega, na maior parte das vezes os outros entendem por tolice, e não sabem fazer igual... é um desencontro de estados e estágios, do qual não nos devemos culpar, mas que desiquilibra emocionalmente sim, quando nos apaixonamos desigualmente

obrigado Leca
este post é uma canção escrita pelo jpp e é realmente linda, como todas as suas musicas que adoro